Tendências em Jeans, Denim e Brim
Vicunha Têxtil

“NATIVE AMERICAN” - Tendência folk volta a inspirar o jeanswear

26 de Julho de 2016

O espírito livre e aventureiro dos jovens abre espaço para a interpretação de novas referências do folk no jeanswear, tendência sempre revisitada na moda. A leitura mais atual desse estilo faz alusões ao universo dos povos nativos americanos, com looks que apresentam nota nômade e criativa, pautada pelo desejo de incorporar um viés multicultural ao ato de vestir.

Nas próximas temporadas, elementos da cultura indígena e o contato com o universo selvagem aparecem em criações que refletem o apreço pela exploração do desconhecido, estimulando vivências individuais e coletivas baseadas no autoconhecimento. Denominada Discovery of The Wild, a nova trend apontada pela Vicunha Têxtil, maior produtora mundial de índigos e brins, inspira a criação de um estilo nômade com toque rústico, originada pelo mix workwear - sportswear.

Para explorar o espírito livre e multicultural da trend, tecidos 100% algodão resgatam o visual true denim. Os tecidos ganham aspecto vintage com superfícies clareadas e delicadamente manchadas. “O folk nunca sai de moda e, nesta temporada, incorpora o universo dos povos nativos americanos ao jeanswear. Em Discovery of The Wild, os tecidos apresentam efeitos que simulam o desgaste do tempo, como destroyed, remendos, puídos e ralados. Trabalhos de superfície como patches e recortes geométricos de diferentes tons recebem influências diversas como caubói, militar e indígena, conferindo aspecto ultra-cool à tendência”, explica Lorena Botti, cool hunter da Vicunha. A aplicação de franjas segue um viés artesanal, complementado por um design de superfície repleto de elementos decorativos que remetem ao espírito aventureiro e alegre do mood. Bordados ornamentais e peles marcam a tendência com uma expressão excêntrica e extravagante.

Nesse universo de influências, o aspecto prático das peças ganha ênfase. Com isso, bolsos utilitários e peles aparecem em casacos e calças. Para as mulheres, shapes atemporais, como a minissaia e a jaqueta biker unem-se ao folk com o uso de adornos como franjas e aplicações, ganhando ares festivos. Com toque hippie dos anos 70, calças flare e camisas trazem bordados rebuscados em pontos localizados e ao longo do comprimento das peças.

Para os homens, a pegada utilitária e confortável promove a interação dos estilos workwear e streetwear de forma moderna. Joggers, truckers e casacos com capuz trazem modelagens amplas e bolsos cargos, além de detalhes como matelassê e aplicações de peles. A tradicional calça five pockets se encaixa com perfeição à proposta do mood. Os trabalhos de superfície, por sua vez, resgatam o caráter vintage e folclórico, conferindo um toque boêmio e de caubói a itens típicos do jeanswear.

“É natural que a moda olhe para outras culturas de tempos em tempos, resgatando valores que às vezes parecem um tanto esquecidos pela sociedade moderna. A valorização de diferentes culturas abre amplos horizontes de interpretação, como uma tela em branco para a criação de novas leituras, cada vez mais livres de limitações étnicas, geracionais e espaciais”, ressalta Lorena.